As métricas são indicadores que norteiam o desenvolvimento do seu negócio. Mensurando as métricas adequadas será possível acompanhar e gerir o time, tempo e as finanças de sua empresa, visando sempre o crescimento sustentável. No modelo SaaS, algumas métricas também são fundamentais para otimizar esse tipo de negócio, lembrando que cada segmento deverá estabelecer seus indicadores adequados.

Um dos passos iniciais é determinar o seu ticket médio, isso facilitará a aplicação de outras métricas. O ticket médio é determinado pelo valor médio gasto por um cliente com seus produtos em um determinado período. Esse valor pode aumentar através de cross-sell ou up-sell, ou seja, quando o cliente investe em mais produtos da sua empresa ou quando ele decide pagar mais por uma versão com maiores funcionalidades do mesmo produto, respectivamente.

Outro indicador importante a ser considerado é o LTV (lifetime value). Nesse indicador será avaliado a receita média gerada por um cliente durante o relacionamento deste com a empresa. Na otimização desse indicador, o cenário ideal seria obter clientes que tenham um ticket médio alto e que mantenham uma relação duradoura com a empresa. Para isso será interessante desenvolver estratégias eficazes de cross-sell e up-sell, como supracitado, e focar na retenção desse cliente. Isso maximizará o LVT em sua empresa.

Além disso, será fundamental observar o custo de aquisição do cliente – CAC. Essa métrica determinará o quanto sua empresa investe para obter um novo cliente. Esse cálculo é necessário para definir se o seu negócio é sustentável ou não. Se seus resultados são menores que os seus investimentos esse é um indicativo de alerta sobre a viabilidade do seu negócio, ou seja, o seu indicador LTV precisa ser maior que seu CAC.

A receita gerada por seu cliente durante seu ciclo de vida deve, pelo menos, cobrir os seus investimentos para conquistá-lo, além disso, deve-se atentar para o tempo de recuperação do seu capital investido. Para aprimorar esse indicador o ideal será reduzir o CAC, aperfeiçoando as estratégias de marketing e vendas com o objetivo de gerar melhores resultados com menos investimentos.

A receita recorrente mensal (MRR) é mais uma métrica que pode ser aplicada ao modelo SaaS, especialmente nos modelos que trabalham com contratos mensais. Nesse indicador o ideal será focar na recorrência da receita e não na receita em si. Isso será primordial para estabelecer sua receita ao longo do ano, bem como auxiliar no gerenciamento do seu negócio.

Vale também considerar o número de clientes que cancelaram seus contratos. O objetivo desta métrica, denominada churn rate, é fornecer ao time de vendas, assim como ao gestor, o alerta necessário para que esse cenário de perdas de clientes possa ser rapidamente modificado.

As métricas por si só, são apenas dados e informações. É fundamental que ao aplicá-las seja também feita uma análise correta e as modificações necessárias para a otimização do seu negócio. Essa análise também deve relacionar todas as métricas para que o resultado demonstra a realidade do seu negócio com maior clareza e precisão.

Agora que você sabe o que são as métricas e como elas são importantes para o seu negócio. Saiba agora como acompanhar os KPIs de suas vendas e aumente seus resultados!