O Inbound Marketing é, sem dúvida, um dos campos do marketing digital que mais cresceu nos últimos tempos.

Além de ser voltado para o mundo digital, o inbound - também conhecido como marketing de atração - transformou o modo com que os clientes interagem com as marcas e consomem seus produtos.

No lugar das tradicionais propagandas, anúncios genéricos ou ligações indesejadas, foram criados processos para:

  • atrair o público certo,

  • educar o mercado,

  • e conquistar novos clientes.

Neste cenário, palavras como “lead”, “SEO”, “Landing Page” e “Call-to-Action” se tornaram cada vez mais comuns.

Contudo, independente se você está começando no inbound, ou já possui uma estratégia em andamento, escolher as ferramentas certas influencia diretamente no seu resultado.

Todas as vantagens e benefícios do inbound marketing podem ser potencializadas quando escolhemos e utilizamos as ferramentas apropriadas.

Pensando nisso, montamos uma lista com 13 ferramentas do inbound marketing que você precisa conhecer e experimentar.

Como organizamos essa lista?

Para que essa lista seja mais organizada, separamos as ferramentas em categorias:

  1. SEO (Search Engine Optimization)

  2. Analytics;

  3. Landing page;

  4. Email marketing;

  5. Gestão de tarefas e equipes;

  6. Redes sociais.

SEO (Search Engine Optimization)

Reunimos aqui as ferramentas que vão te ajudar na missão de alcançar um melhor posicionamento nas pesquisas do Google.

O SEO é a base para que você atraia um público interessado, gere leads qualificados e, consequentemente, feche mais venda para o seu negócio.

1 - SEMRush

Essa é uma das principais e mais completas ferramentas para quem trabalha com SEO.

O SEMRush é uma plataforma all-in-one, ou seja, ela que busca reunir todas as funcionalidades que uma estratégia de SEO necessita, como:

  • Pesquisa e análise de palavras-chaves

  • Análise de backlinks

  • Monitoramento de posições

  • Análise e comparativo com concorrência

Além de atacar as necessidades do SEO, o SEMRush também possui funcionalidades para tráfego pago, redes sociais e pesquisas de mercado.

Trata-se de uma plataforma paga, contudo é um ótimo investimento para quem quer elevar suas análises de SEO para o nível profissional.

2 - Ahrefs

O Ahref é bem parecido com o SEMrush. Você consegue analisar:

  • seu ranking com o passar do tempo;

  • seus backlinks;

  • seus concorrentes;

  • e palavras-chaves que você deseja rankear.

Tudo isso de forma bem completa e personalizada.

Assim como o SEMRuish, o Ahref também é uma ferramenta paga, mas não se preocupe que as próximas ferramentas da lista serão gratuitas e vão te ajudar bastante na sua estratégia de SEO 😉

3 - Ubersuggest

O Ubersuggest é a ferramenta do Neil Patel para análises de sites e palavras-chaves. Com ela você consegue visualizar:

  • o volume de buscas de uma palavra-chave;

  • a dificuldade de rankeamento de uma palavra-chave;

  • o desempenho geral de um site ou blog;

  • ideias de conteúdo e de palavras-chaves.

Apesar de ser gratuita, o Ubersuggest é uma ferramenta muito completa, ideal para quem quer melhorar seu SEO, mas não sabe por onde começar.

4 - SEO Quake

O SEO Quake é uma das ferramentas de SEO que eu mais gosto.

Essa extensão do Google Chrome é capaz de analisar as páginas que você acessa e te apresentar:

  • Quais são os links internos e externos;

  • Qual o ranking do domínio;

  • Qual a densidade das palavras-chaves;

  • Qual o diagnóstico do SEO da página.

Analytics

Agora vamos falar de ferramentas que analisam seu site para que seu público tenha uma melhor experiência.

5 - Google Analytics

O Google Analytics é a base para poder monitorar seu site e blog. Tenha dados sobre seu tráfego, a origem das suas visitas, qual o caminho até as conversões e muito mais.

Todos os dados sobre visitas do seu site estão reunidas e organizadas para que você analise as informações e saiba onde melhorar.

Quem trabalha com inbound marketing e deseja ter resultados concretos precisa dominar o as funcionalidades desta plataforma.

Fica a dica!

6 - Google PageSpeed

Partindo agora para uma análise mais técnica do seu site, o Google PageSpeed verifica a velocidade e qualidade de como o seu site aparece para o usuário. São vistoriados parâmetros como:

  • Performance em Desktop e Mobile;

  • Acessibilidade;

  • SEO;

  • Boas práticas.

Além de mostrar onde o seu site pode melhorar, o Google PageSpeed já traz algumas sugestões de solução para os problemas encontrados.

Landing Page

Uma landing page é uma página focada na conversão de visitantes em leads.

Uma vez que sua estratégia de SEO deu certo e você conseguiu atrair seu público para o site, é preciso capturar os dados desse contato para que ele futuramente se torne um cliente.

Veja agora algumas das alternativas que você tem para criar landing pages:

7 - Unbounce

Assim como a maioria dos construtores de landing pages, o Unbounce permite que você crie sua página de forma simples, com design impecável e totalmente funcional.

Além das landing pages, o Unbounce conta também com pop-ups e sticky bars para acelerar a conversão do seu site ou blog.

8 - LeadPages

Assim como o Unbounce, o LeadPages é uma alternativa capaz de criar landing pages, pop-ups e sticky bars de forma simples e totalmente otimizados para o dispositivos mobile.

Recomendo que faça um teste e veja qual delas se encaixa melhor nas suas necessidades.

9 - Hello Bar

O Hello Bar não é para a criação de landing pages, mas sim para criação de call-to-actions no seu site ou blog.

Trata-se de um plugin para wordpress totalmente gratuito e indispensável para que suas conversões decolem!

Alternativas ao Hello Bar: WP Notification Bar, Sleeknote, Sumo Smart Bar

Email Marketing

Conseguiu converter os visitantes do seu site em leads? Chegou a hora de nutrir esse lead e investir na comunicação. Conheça as ferramentas que podem fazer isso por você:

10 - MailChimp

MailChimp é uma das plataformas de marketing mais populares do mundo.

Conhecido pela eficiência, simplicidade e baixo custo, ele possibilita toda a gestão dos leads gerados pelo o inbound, apostando principalmente na comunicação por e-mail marketing.

Além disso, conta com a criação de landing pages e uma série de integrações com outras plataformas.

Alternativas ao MailChimp: Pipz, RD Station, Hubspot

Gestão de tarefas e equipes

Para uma operação de inbound marketing de sucesso, organização é fundamental. Veja agora 2 ferramentas para gerenciar tarefas e equipes com simplicidades e eficiência:

11 - Trello

Quer organizar ideias e atividades de forma visual e organizada? Então o Trello foi feito para você.

Use as raias de um Kanban para organizar as tarefas de forma visual e registre todos as informações relacionadas a atividade nos cartões

Responsáveis, anexos, comentários, subtarefas… Tudo isso são funções que você pode usar para organizar seus projetos.

12 - Asana

O Asana literalmente transformou a forma como trabalhamos o inbound aqui na Nectar.

Apesar de muito semelhante ao Trello, o Asana possui mais funcionalidades e é sensacional para equipes maiores onde há vários projetos rodando ao mesmo tempo.

CRM

Depois que os leads foram gerados, o próximo passo é vender.

Se você atua com vendas complexas - onde o ticket médio é mais alto e o ciclo médio mais longo - é necessário uma plataforma que te auxilie desde a conexão com o lead, passando por toda a negociação, até o fechamento da venda.

Se esse é o seu caso eu tenho uma sugestão

13 - NectarCRM

O NectarCRM é uma plataforma completa para gestão e aceleração de vendas. Essa ferramenta te permite organizar o dia a dia de vendas para obter maior produtividade e eficiência.

Todas as informações de contatos ficam organizados e plataforma te notifica para que você não perca o timing de uma negociação.

Além disso, tenha sempre métricas e estatísticas completas da sua operação de vendas

Gostou? Então use agora o plano gratuito e veja tudo que um CRM pode fazer por você

Não se esqueça de comentar aqui quais ferramentas você utiliza hoje e quais as suas recomendações. 😊