Se tem uma coisa que a vida de um vendedor se parece é com uma montanha russa.

Em um mês você bate meta, planeja o que vai fazer com a comissão que está chegando, recebe um tapinha nas costas do gestor e todo mundo no escritório te parabeniza.

No outro mês tudo começa de novo e você já se vê em risco logo no dia primeiro.

Vendas é uma cadeira de muita responsabilidade e pressão.

Com isso um fenômeno muito comum dentro de um departamento de vendas fica sujeito a acontecer: a desmotivação dos vendedores.

Um dos grandes dilemas da maioria dos gestores de vendas é: como manter os vendedores motivados sempre?

Manter um vendedor motivado sempre é muito difícil. Até porque ninguém se mantém motivado 100% do tempo.

Mas vamos lá, vou dar algumas dicas para que você possa trabalhar essa motivação com o vendedor.

Dica 01: Entenda de onde vem a desmotivação do vendedor

O primeiro passo é entender de onde vem a desmotivação.

Se você não entende o pilar, o que sustenta, a desmotivação do vendedor fica quase impossível de combater.

Entre as causas de desmotivação entre os vendedores estão:

  1. Falta de paixão pelo que vende
  2. Vendedor não comprou a ideia do produto/serviço da empresa
  3. Expectativa frustrada financeiramente
  4. Sensação de estar sendo mal pago

Possível de ser confundido com causa/consequência de bater metas. Por exemplo, o vendedor está recebendo pouco porque não está batendo meta ou não está batendo meta porque recebe pouco?

  1. Sensação de estagnação

O vendedor sente que está apenas executando tarefas repetitivas, sem crescimento profissional e pessoal na mesma cadeira entra ano e sai ano.

  1. Sensação de "não pertencimento"

É um problema de cultura não existe dentro da empresa ou ainda uma cultura que não é claro na empresa.

Só tem uma maneira de descobrir o motivo da desmotivação do vendedor com exatidão: conversando e perguntando para o vendedor o que está acontecendo.

Dica 02: Cultura da Empresa

A cultura da empresa é o "tapinha nas costas" do vendedor quando ninguém está olhando.

É impossível qualquer gestor vender por esforço próprio os ideais da empresa de hora em hora, diariamente, para cada vendedor.

Isso não existe, não é possível.

Mas a cultura da empresa faz esse trabalho pelo gestor.

O que faz um vendedor no momento de queda da montanha-russa levantar a cabeça sem pensar no copo meio vazio é a cultura da empresa.

Ter bem claro para o vendedor qual é o objetivo da empresa, quais os valores, missão, visão, a filosofia e a causa é a principal base para que a motivação do vendedor ganhe oxigênio e não seja apenas algo isolado e dependente de fatores externos.

Dica 03: Conecte o objetivo pessoal do vendedor com o objetivo da empresa

Se o vendedor tem um sonho de longo prazo de ser um diretor um dia, como o objetivo da sua empresa se encaixa nisso?

E você como gestor, deixa esse caminho claro? Essa conexão clara?

Se o vendedor quer ser um empreendedor, como a cadeira de vendedor no médio prazo ajuda ele a alcançar isso com maestria? Como isso acontece no planejamento estratégico da compania?

A maioria dos gestores não conversam sobre aspectos pessoais e sonhos dos vendedores ficando apenas nos quesitos técnicos.

Essa é a principal causa da desmotivação.

Pelo fato de que vender se torna um trabalho mecânico, que gera uma remuneração no final do mês e não um alicerce para construção de um sonho maior.

Construa esse sonho maior com os seus vendedores.

Se você é vendedor ajude a sua empresa, o seu gestor, a construir esse sonho em conjunto.

Dica 04: Metas factíveis

Crie caminhos de atingimento de metas factíveis.

Metas absurdas de serem alcançadas e falta de caminhos para atingi-las gera uma desmotivação profunda não só em um vendedor mas em todo o time de vendas.

Esse ensinamento que adquiri na área de aquisição talvez tenha sido o mais importante.

Para cada vendedor delimite um caminho com começo, meio e fim de como ele vai cosneguir entregar as metas de vendas.

Isso engaja muito mais o vendedor a cumprir atividades que não estão no seu controle como realizar ligações, enviar e-mails, fazer follow-ups, atualizar o CRM...

Do que focar apenas no resultado final.

Se você, como gestor, focar apenas em resultados e números na sua gestão as chances de não atingir as metas são enormes.

Comece a colocar o processo que leva ao resultado para transparência e clareza.

Dessa forma os vendedores elevam a motivação novamente por elencar o pensamento de que depende apenas dele, do seu desempenho e performance.

Não depende da venda, do contrato assinado, mas sim da ligação que será feita, da qualidade do e-mail enviado... por que não entregar?

Com esse pensamento em mente os vendedores elevam a sua motivação simplificando o caminho, o processo, de atingimento das metas.

Espero que vocês tenham gostado e, precisando de alguma ajuda pra colocá-las em prática, a equipe da Nectar está à sua disposição.

Veja também:

Leia também:
16 hábitos para uma equipe comercial bater as metas todos os meses.
Hacks de vendas para bater metas.